Professor de Direito participa do Congresso Internacional Labour 2030

Ascom | 3 de agosto de 2017, às 11:50

O professor do curso de Direito da Unifacisa e Juiz do Trabalho, Francisco de Assis Barbosa Júnior, participou recentemente do Congresso Internacional Labour 2030. Organizado pela Law Academy e CIELO e apoiado pela União Européia, Universidade do Porto, Governo da Espanha, Ordem dos Advogados de Portugal, Associação Portuguesa de Ciências Forenses.

O Labour 2030 contou com a participação de profissionais de 23 países e discutiu o futuro do trabalho em face do desenvolvimento tecnológico, buscando apontar caminhos jurídicos para melhor regular o setor e evitar o aumento do desemprego diante do impacto da tecnologia no dia a dia das empresas.

O professor Francisco de Assis apresentou o artigo Seguridade Social e Transconstitucionalismo: meios de assegurar a proteção da dignidade dos teletrabalhadores, que tratou das normas aplicadas aos trabalhadores migrantes aos Teletrabalhadores transacionais e da confecção de uma legislação internacional para abarcar essa espécie de trabalhador. “Citei no artigo o Congresso de Campina Grande e a Carta do Congresso de Direito do Trabalho realizado na Unifacisa em novembro de 2016, especialmente na parte que se refere à necessidade de uma regulamentação específica internacional sobre o teletrabalho”, afirmou.

Para o professor a participação em eventos internacionais tem sido uma excelente oportunidade para compartilhar conhecimento. “Eu levo as experiências que temos aqui na Unifacisa e na Justiça do Trabalho e vejo a realidade de lá. Uma troca de experiência mútua e coletiva que só nos faz crescer ainda mais profissionalmente”, disse.

O professor afirmou ainda que não acredita que haverá desemprego por conta da tecnologia, mas uma mudança do tipo de emprego que será oferecido no mercado de trabalho. “As coisas vão ser substituídas, a tecnologia sempre veio pra mudar a realidade da relação de trabalho. Todas as profissões vão sofrer mudanças em decorrência disso, mas acabar não. Não haverá aumento de desemprego, mas uma mudança no tipo de emprego”, concluiu.

Assuntos: Direito, Francisco de Assis Barbosa Júnior, UNIFACISA

Leia Também

Unifacisa/FCM abre seleção para professor de Medicina

A partir desta quarta-feira (13), estarão abertas inscrições presenciais, até 15 de dezembro, para seleção de professor do curso de […]

Professor da Unifit recebe homenagem da Gracie Barra

O professor de Jiu-Jitsu da Gracie Barra Itararé, Adamastor Júnior, recebeu uma homenagem, na última sexta-feira, 08, no Espaço Ciência […]

Unifacisa vence mais uma e conquista pentacampeonato Paraibano

Foi um domingo de mais uma conquista para o Basquete Unifacisa. No último desafio do ano, o time ganhou o […]

Alunos e professora da Unifacisa publicam artigos em revista de saúde

Estudantes de Medicina da FCM-CG e a professora da Unifacisa, Maine Virginia Alves Confessor, publicaram dois capítulos em um livro […]